Principais tendências da impressão 3D para 2023

tendências impressão 3D

As tendências de impressão 3D surgem como uma expectativa da evolução que a tecnologia pode alcançar em 2023 e nos próximos anos.

A tecnologia de impressão 3D é considerada revolucionária por muitos, pois possibilitou que objetos pudessem ser produzidos a partir de um material padrão, com alta precisão e velocidade.

Sendo assim, ela se mostrou como uma tecnologia especial ao tornar possível retirar uma ideia do papel e torná-la palpável em pouco tempo, com uma economia que não podia ser feita com as tecnologias anteriores.

Por isso, a impressão 3D é utilizada em uma série de indústrias, e até mesmo por simples hobbistas, pois ela se tornou mais acessível.

Desse modo, com o acesso amplo, tanto por parte da indústria, quanto por parte de entusiastas, diversas novas tendências e aplicações surgem.

Neste artigo, vamos abordar quais são as principais tendências da tecnologia para 2023 e para os anos subsequentes. Portanto, acompanhe o texto até o final e tenha uma boa leitura!

Principais tendências para impressão 3D para 2023: confira

Separamos algumas das principais tendências para impressão 3D para os próximos anos. Confira como a tecnologia começou a ser testada e apresenta um futuro promissor:

Ponte feita com impressão 3D

A impressão 3D é conhecida por produzir peças de tamanho reduzido, pois as máquinas não costumam ser tão grandes.

Contudo, a impressão de pontes é um dos exemplos de impressão 3D de larga escala. 

Um grande exemplo de construção de pontes com essa tecnologia foi a impressão de uma ponte de 12 metros de comprimento, realizada pela empresa holandesa MX3D.

A companhia produziu uma ponte de aço inoxidável a partir do recurso de impressão 3D. Ela foi utilizada para cruzar um canal famoso, localizado no centro de Amsterdã, o Oudezijds Achterburgwal.

Tudo isso foi possível graças ao desenvolvimento de robôs industriais que têm softwares altamente tecnológicos. 

Diversidade de material

Principais tendências para impressão 3D para 2023: confira

A impressão muitas vezes fica limitada aos filamentos, que são compostos por uma série de materiais, e as resinas.

Contudo, cada vez mais outros materiais têm sido desenvolvidos. Podemos citar, por exemplo, a exploração de materiais a base de polímeros mais complexos, com propriedades biodegradáveis e até compostáveis, sem deixar de lado a resistência.

Materiais, como metais, fibra de vidro e fibra de carbono também estão sendo testados e aplicados em algumas indústrias específicas.

O desenvolvimento de novos materiais e soluções é buscado pelas empresas, sobretudo, para a adequação de práticas sustentáveis.

As empresas estão atentas à tendência sustentável, e por isso, procuram por materiais que causem o menor impacto ambiental possível.

Órgãos impressos em 3D

As chamadas bioimpressoras 3D estão sendo produzidas de modo a permitir com que cientistas produzam órgãos humanos, ou parte deles.

A tendência de utilizar órgãos produzidos em laboratório para implantes já é altamente conhecida. Com o avanço da tecnologia de impressão 3D, cada vez mais tem se estudado a possibilidade de produzir órgãos artificiais a partir desse recurso.

Os órgãos estão sendo impressos não só para estudar a possibilidade de implantes, mas também para estudos e testes antes de cirurgias de risco considerável.

Um grupo de cientistas da Universidade de Harvard conseguiu imprimir uma parte funcional de um coração. A peça final apresentou capacidade de contração.

Maior sustentabilidade

A sustentabilidade é uma demanda mundial, que se intensifica com o passar do tempo. A impressão 3D pode contribuir para essa tendência a partir de diversas soluções, como:

  • desenvolvimento e uso de materiais biodegradáveis;
  • reciclagem de materiais utilizados na impressão;
  • utilização de energias renováveis para alimentar as impressoras 3D.

Atualmente, a impressão 3D já se mostra como uma opção sustentável em alguns pontos, como a diminuição da necessidade de emissão de gases de efeito estufa no transporte de peças que agora podem ser produzidas diretamente no local da organização e na redução de resíduos ao imprimir peças altamente precisas.

Melhorias na personalização dos processos

Principais tendências para impressão 3D para 2023: melhores processos

A impressão 3D deve possibilitar o atendimento de tendências de consumo. Isso porque é possível observar que as pessoas têm preferido produtos personalizados do que aqueles produzidos em massa.

Sendo assim, já que a impressão 3D é altamente precisa, será possível utilizá-la como recurso de produção de objetos personalizados. Isso pode fazer com que diversos mercados ampliem as suas vendas.

Uso comercial e industrial de impressão 3D

A impressão 3D já é utilizada em algumas indústrias, mas não para a produção completa. 

Geralmente, ela apresenta a função do desenvolvimento de protótipos, que são, basicamente, modelos de teste que são utilizados antes do desenvolvimento concreto, com materiais mais caros.

Com o avanço da tecnologia, a tendência é que a impressão 3D seja cada vez mais utilizada no uso comercial/industrial, sobretudo em produções amplas.

Diversos objetos podem ser construídos com a tecnologia, e muitos processos produtivos podem ser facilitados com a mesma.

Por exemplo, a impressão 3D permite que a produção seja realizada sob demanda, o que reduz custos com a gestão de estoque e armazenamento.

Serviços de consultoria em impressão 3D

A impressão 3D possibilita que as empresas reduzam o risco e o custo de suas produções, sobretudo ao construir protótipos que podem testar alguma aplicação.

Sendo assim, as empresas que desenvolvem tecnologias de impressão 3D ou dominam o tema podem começar a vender consultorias para outras empresas.

A tendência é que cada vez mais as organizações estejam interessadas em aprender sobre a tecnologia e como deve ser utilizada, pois elas procuram por assertividade, redução de custos e velocidade no desenvolvimento de seus produtos.

Se você é hobbista ou exerce alguma atividade industrial com impressoras 3D de resina, pode contar com as resinas UV de alta qualidade da Monile.io.

A Monile.io comercializa diversos modelos de resinas, sejam eles para usos comuns, calcináveis, altamente resistentes (alto impacto/engenharia) e muitos outros.

Conclusão

As tendências da impressão 3D para os próximos anos são bastante promissoras, pois elas trazem inovações que podem ser benéficas para os negócios, para a economia e para o meio ambiente.

A evolução constante da tecnologia deve possibilitar novas soluções nas mais diversas indústrias.

Leia também: “Prototipagem 3D: saiba o que é, como funciona e vantagens”

Acesse nosso blog para ler mais dicas e informações relevantes sobre impressão 3D e resinas UV! 

One Response

  1. […] Se você gostou desse conteúdo, leia também sobre as “Principais tendências da impressão 3D para 2023”.  […]

Comments are closed.